Músicas da vez #11: para estudar!

Se tem uma coisa que gosto de fazer nessa vida é ler e estudar. Claro que ninguém gosta de estudar alguma coisa obrigado, né. As vezes é um obstáculo necessário, que vamos nos dar conta da importância só mais tarde, mas as vezes é só chatice mesmo. Mas eu estou falando aqui de uma visão bem mais ampla do que é estudar e aprender. Não estou falando só de quando estudamos na escola/faculdade, etc, estou falando do conhecimento que a gente adquire na vida, no dia-a-dia, numa leitura descompromissada, numa curiosidade saciada.

Enfim, a questão é que eu estou num momento muito tenso da escrita da dissertação do mestrado. Por mais que eu esteja feliz com o tema que escolhi e com as leituras que tenho feito, é duro, gente. Exige muito foco e força de vontade e muito choro e oração e macumba hahaha.

Para me ajudar nesse momento, sempre tento criar um ambiente e um clima que me ajude na concentração. Entre as várias coisas que tenho feito, uma delas é ouvir música. Sei que não é pra todo mundo. Tem gente que precisa de silêncio total, mas já reparei que rendo mais nos estudos quando tem uma trilha sonora de fundo.

Então, resolvi compartilhar com vocês as músicas/bandas que tenho gostado de ouvir nesses momentos. Como eu descobri que essas fazem bem para meus estudos? Quando coloquei pra tocar e não precisei parar para pular de música, para diminuir o volume ou algo do tipo. Esse é meu critério.

The XX

Já falei sobre eles no meu último post sobre músicas. Inclusive, já havia comentado que eu gosto de ouvir quando estou lendo. O album que mais escuto é o XX, mas gosto do Coexist também.

Feist

Gosto muito da Feist! Tem um bom tempo que escuto direto e são poucas as músicas que me desagradam. Na verdade, sem tem mesmo, não sei, não consigo lembrar de nenhuma agora. The Reminder é meu album preferido!

Curto muito a voz dela. Se você conhece alguma cantora parecida, me indica!

Coralie Clément

Sou dessas fãs da língua e das músicas francesas que sonha em aprender a falar fluentemente um dia, haha. Coralie foi uma das primeiras cantoras francesas contemporâneas que conheci e me apaixonei de cara.

Essa voz calminha é perfeita para ler! <3

Trilha musical de Donnie Darko

Essa é, sem dúvida, um dos filmes com a melhor trilha sonora que já ouvi – e também é um excelente filme, fica a dica. Não conheço profundamente as bandas que tocam, mas sei que são famosas e as músicas escolhidas pra trilha são MUITO boas.

Algumas delas são bem agitadinhas, mas por algum motivo elas não me incomodam quando estou lendo!

Trilha musical de Amélie Poulin

Existem diferentes tipos de trilhas e as instrumentais são uma boa opção pra quem não gosta de estudar ouvindo músicas cantadas. Uma recomendação é a trilha de Amélie Poulin. Não é meu filme favorito, acho que vi uma vez na vida. É bom, só não sou aquela fã louca.

Mas a trilha é realmente muito boa, acho que é toda composta pelo Yann Tiersen. As músicas são bonitas e bem calminhas. Deve ter uns bons anos que gosto de ouvi-la para estudar!

*

E vocês, como gostam de estudar? O que fazem pra ajudar quando precisam de super foco, haha?

Beijinhos!

5 filmes para assistir numa segunda-feira chuvosa

Amigos e amigas, amanhã estarei partindo para Curitiba! Yay! Estou indo para apresentar um trabalho e, CLARO, para conhecer essa cidade tão bem falada. Se você mora lá ou se já visitou, vou amar se me der algumas dicas de lugares para ir ;)

A questão é que o dia voou e tive mil coisas para fazer. Na realidade, ainda nem terminei a mala. Mas hoje aqui em JF o clima está pra ficar debaixo das cobertas assistindo filme. Tá frio e chovendo fininho, aquela chuva chata, sabe?

Se eu pudesse teria passado a tarde no sofá, mas como não pude, resolvi deixar aqui uma listinha dos filmes que eu escolheria para assistir num dia chatinho como esse.

1 – Donnie Darko (Richard Kelly, 2001)

Super combo: Jake Gyllenhaal + teorias sobre viagem no tempo + trilha sonora EXCELENTE. Essa seria minha primeira escolha. Donnie Darko é daqueles filmes sombrios e enigmáticos. Assim que terminei de assistir pela primeira vez fiquei tipo: ????? meudeus o que acabei de ver, volta tudo. E sim, no dia seguinte quis assistir de novo porque não dá pra ver uma vez só.
Não vou contar nada. Saca o trailer:

2 – O Bebê de Rosemary (Roman Polanski, 1968)

Bom, acho que vou sempre conseguir enfiar esse filme em qualquer lista que eu fizer, haha! É um dos meus favoritos do Polanski e perfeito se você está com vontade de sentir medo! Começa com aquela velha história de um casal que se muda para uma casa nova. Então, coisas estranhas começam a acontecer… Um clássico e ainda tem Mia Farrow gatinha.

3 – Dirigindo no Escuro (Woody Allen, 2002)

Mas você não quer sentir medo, nem ficar confuso, apenas relaxar e se divertir, então recomendo um Woody Allen. (Quase) certeza de dar certo, né? Dirigindo no Escuro (Hollywood ending, em inglês) é sobre um diretor de cinema que de repente fica cego no meio da gravação do filme.

4 – Pierrot le fou (Jean-Luc Godard, 1965)

Se você quer esquecer que está chovendo, Pierrot le fou é ótimo. Mais da metade do filme se passa na praia, com Anna Karina dançando saltitante de vestidinho por lá (já falei um pouco sobre ele aqui). Mas é Godard, né? Não vá esperando Woody Allen. Não vou falar do filme porque, além de mandar bem no próprio filme, Godard mandava bem nos trailers também s2:

5 – Corações e Mentes (Peter Davis, 1974)

Esse é considerado um dos documentários políticos mais importantes da história do cinema. É um filme sobre a guerra do Vietnã, que ganhou o Oscar de Melhor documentário em 75. É pesado, hein, gente. Não é filme pra relaxar, é pra chorar.

Por algum motivo obscuro, não consegui encontrar nenhum trailer : O Mas deixo aqui um canal que disponibilizou o filme todo!

Bom, meu povo, espero que tenham gostado das dicas. Não sei se volto a postar aqui até o fim de semana.

Me desejem boa viagem \o/ Até a próxima!